quarta-feira, 4 de novembro de 2009

A Doula

A palavra "doula" vem do grego "mulher que serve". Nos dias de hoje, aplica-se às mulheres que dão suporte físico e emocional a outras mulheres antes, durante e após o parto.
O médico está ocupado com os aspectos técnicos do parto. As enfermeiras obstetras passam de leito em leito, se ocupando hora de uma, hora de outra mulher. As auxiliares de enfermeira cuidam para que nada falte ao médico e à enfermeira obstetra. O pediatra cuida do bebê. Apesar de toda a especialização, ficou uma lacuna: quem cuida especificamente do bem estar físico e emocional daquela mãe que está dando à luz? Essa lacuna pode e deve ser preenchida pela doula ou acompanhante do parto.

O que a doula faz?
Antes do parto a ela orienta o casal sobre o que esperar do parto e pós-parto. Explica os procedimentos comuns e ajuda a mulher a se preparar, física e emocionalmente para o parto, das mais variadas formas.
Durante o parto a doula funciona como uma interface entre a equipe de atendimento e o casal. Ela explica os complicados termos médicos e os procedimentos hospitalares e atenua a eventual frieza da equipe de atendimento num dos momentos mais vulneráveis de sua vida. Ela ajuda a parturiente a encontrar posições mais confortáveis para o trabalho de parto e parto, mostra formas eficientes de respiração e propõe medidas naturais que podem aliviar as dores, como banhos, massagens, relaxamento, etc..
Após o parto ela faz visitas à nova família, oferecendo apoio para o período de pós-parto, especialmente em relação à amamentação e cuidados com o bebê.

Vantagens
As pesquisas têm mostrado que a atuação da doula no parto pode:
diminuir em 50% as taxas de cesárea
diminuir em 20% a duração do trabalho de parto
diminuir em 60% os pedidos de anestesia
diminuir em 40% o uso da oxitocina
diminuir em 40% o uso de forceps

A sessão desabafo:
Achei que minha mãe seria minha maior e melhor doula nessa gestação. Andei começando a pesar muito sobre isso e sobre o fato dela estar ajudando meu tio-avô a melhorar de saúde. Ela não tem muito tempo pra mim, e eu que não dirijo não posso ir lá o tempo todo.
Começei a pesquisar sobre as doulas até mesmo pela indicação dela. Sei que uma coisa nisso tudo é certa: a mãe deveria ser a doula-maior pelo grau de intimidade e por conhecer sua própria filha, a futura mãe.

Mandei um email para algumas doulas pedindo mais detalhes sobre todo o procedimento, expectativas e acompanhamento. Como isso foi há 5 minutos atrás, ainda não tenho uma resposta efetiva. Mas prometo que escrevo quando tiver!

E principalmente conto sobre minha decisão!!

Links:
Doulas do Brasil
Luz Materna

Um comentário:

mabel disse...

I recently came accross your blog and have been reading along. I thought I would leave my first comment. I dont know what to say except that I have enjoyed reading. Nice blog. I will keep visiting this blog very often.

Lucy

http://maternitymotherhood.net